banner
MT10_1-1024x682

Yamaha apresenta a nova MT-10, uma supernaked com motor de R1

O ano é de festa para a Yamaha. Além de celebrar os 60 anos de suas fundação em 2015, a fábrica japonesa faturou a tríplice coroa no Campeonato Mundial de MotoGP – levou o título de construtores, o de equipes com a Fiat Yamaha e o de pilotos com o espanhol Jorge Lorenzo. O clima de comemoração permeou a prévia do Salão de Motos de Milão que a marca realiza na véspera do dia de imprensa do evento.

Nesta segunda-feira, 16 de novembro, em uma coletiva de quase duas horas de duração, a Yamaha mostrou suas novidades para o mercado europeu e para o mundo. Algumas delas já vistas até pelos motociclistas brasileiros, caso da compacta MT-03, mostrada no Salão Duas Rodas de São Paulo em outubro passado, porém outras novidades surpreenderam a todos, como a nova MT-10, chamada de o próximo estágio (the next level) da família MT pela Yamaha.

mt10-1024x682

Com design futurista, caracterizado por dois faróis de LED monofocal, a nova MT-10 tem motor de quatro cilindros com virabrequim crossplane, derivado da esportiva YZF-R1. Recalibrado para oferecer menos potência, porém mais torque em baixos e médios regimes, a MT-10 é a nova super naked da fábrica japonesa.

Mas não é apenas o motor que veio da esportiva, suspensões, quadros, e controles eletrônicos também seguem os padrões da aclamada R1. Com um guidão alto e largo, a MT-10 promete uma posição de pilotagem mais natural e confortável para o uso cotidiano.

Fonte: Agência Infomoto

Tags Related
You may also like
Comments

Comments are closed.